domingo, 24 de maio de 2009

Participação da equipa (Tomar)

Marcaram Presença (c/ o respectivo n.º dorsal entre parêntises p/ melhor identificação nas fotos):
35kms:
Pedro Silva (148), João Valério (146), José Santos (152), Rui Almeida (149), *Rui Lopes (166), *Pedro Branco (167), Tiago Matos (164), *Dinis Moço (168), *Ismael Duarte (159), Carlos Moita (156), João Guerra (172), *Paulo João (173)
10kms:
*Sofia Lopes (147), *Ana Almeida (150), José Abrantes (160), José Luís Rosa (165), *Diogo Lopes (158), João Abrantes (161), *Inês Abrantes (162), Carlos Matos (163), *André Matos (176), *Nuno Santos (170), Carlos Lopes (157).

*Elementos convidados em representação da equipa.

Foto do grupo (faltam 4) presente neste evento junto ao desgraçado do animal que iria ser servido ao almoço. A maior representação de sempre em eventos "fora de portas" da Zona 55 Bike Team, com 12 elementos efectivos.

Momento de agarrar nas biclas para nos deslocarmos para a zona de partida.

"Vamos embora, está na hora!"

O tempo estava muito nublado e ameaçava chover a qualquer momento... os participantes interrogavam-se: Vestir ou não vestir o impermeável?

... e lá foi dada a partida simbólica, após umas breves indicações dadas pelo Paulo Albino.

O início simbólico serviu para nos encaminhar-mos até junto às instalações recém inauguradas da Secção e Esquadra de Tomar da P.S.P..

Os participantes rondaram cerca da centena e meia.

O pequeno André Matos estava impaciente...

O senhor Comandante Distrital da P.S.P. de Santarém, Intendente Luís Simões, fazia uso da palavra para dar as boas vindas a todos quanto marcaram presença, apesar do tempo instável.

E após ser dada a partida oficial, os participantes de ambas as distâncias (10 e 35kms), lançaram-se ao ataque dos trilhos.

Após uns escassos 4kms encontrava-se uma bonita passagem sob o Rio Nabão.

Tornava-se quase impossível não ver um equipamento da Zona 55 ao longo dos percursos.

Os mais novos também não se fizeram rogados à travessia.

Após a passagem era imperativo apear para quem ainda teimava em não fazê-lo.

Poucos metros à frente já se encontrava o 1.º abastecimento, dirigido essencialmente aos atletas dos 10kms. Era também aqui que havia a separação de ambas as distâncias.

Num ambiente bastante descontraído e familiar, ia-se desenrolando o passeio dos 10kms.


Aqui, a Inês Abrantes liderava o pelotão ao mesmo tempo que gritava para o condutor do veículo policial acelerar porque o ritmo era muito lento...

Noutra fase, o André Matos e o Diogo Lopes tomaram a liderança.

Já a escassos metros do final da distância dos 10kms, que se revelaram ser um pouco menos.

Entretanto... no percurso dos 35kms começavam os problemas! As marcações escasseavam transformando o passeio marcado em guiado.

Os participantes, que entretanto iam fracturando o pelotão em pequenos grupos, ia-se guiando pelos rastos dos mais adiantados.

Até havia tempo para tirar umas fotos...

Entrando numa das zonas mais invulgares do percurso.
O trilho serpenteava subindo pelas paredes da antiga pedreira.

As nuvens haviam desaparecido e o sol finalmente apareceu, que em conjunto com as subidas íngremes íam fazendo as gotas de suor deslizar pelas faces.

Na cabeça do passeio atingia-se uma subida salpicada por troncos e ramagens de eucaliptos.

Após novo engano devido às deficitárias marcações, os pequenos grupos de atletas voltavam a fundir-se em grupos mais numerosos.

Apreciava-se o Rio Nabão...

... e um grupo de canoístas que passava.


O chamamento para o trabalho rural era enorme!

E aí estava a 1.ª ZA dos 35kms. Por sinal excelente. Pães chouriço (enormes), águas, fruta e até umas "mines". Na foto o João Guerra.

O pessoal curtia o momento. Na foto Valério e Chamusco.

Na foto Rui Almeida e José Santos.

Na foto Pedro Silva e Luís Moço.

De volta aos trilhos o Pedro Branco curtia a terra batida.

Rui Lopes numa zona de passagem pedonal.

O quarteto Carlos Moita, Pedro Silva, Rui Lopes e Pedro Branco, a escassos 2kms do final, enganaram-se no trilho e tornaram a atravessar a ponte... só para o Carlos dar um mergulho!

Finalmente atingia-se o final, apesar da dificuldade em encontrar o percurso certo!


Foto parcial do grupo Zona 55 que esteve presente neste evento, após o almoço.
Já após o almoço, fomos forçados a abandonar o local da refeição (Parque de Campismo de Tomar) para ir-mos beber um cafézinho, pois a Organização esqueceu esse pequeno pormenor.

Em jeito de conclusão damos os parabéns à esforçada Organização, instituições e empresas apoiantes! O almoço foi excelente, o percurso espectacular, as marcações insuficientes, a recepção aos atletas calorosa e o apoio humano suficiente. Pontuação de 12345.

Fotos: José Abrantes, João Valério, Rui Almeida e Pedro Silva. Texto: João Valério

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...